Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Áudios











“ÍNDIA IRACEMA”.

       

 

Não pude ver mais na areia

Os versos daquela poesia...

Também não vi mais a aldeia

Que a linda índia residia...

 

Mas recordei o velho tema

Que o jesuíta escreveu...

Sobre a bela índia Iracema

Que as ondas já removeu.

 

A índia dos lábios de mel

Da areia para o papel...

Até hoje ainda é cantada.

 

A sua história não foi feliz

É assim que o romance diz,

Mas até hoje ela é lembrada.







 

 

Enviado por Antonio Hugo em 24/08/2007




Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras