Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos







“NOS DESENGANOS”.
          (Rondel).
 
 
Nos desenganos em que a vida
O nome que sonhando ainda grito,
A lágrima que caiu na despedida
A voz que chama se perdeu no infinito.
 
Que o amor é eterno eu acredito
Quando uma graça é concedida,
Nos desenganos em que a vida...
O nome que sonhando ainda grito.
 
Se uma esperança está perdida
Ou uma alma está em conflito,
Se a intenção for proibida...
Então está liberto aquele espírito;
Nos desenganos em que a vida.

 





 





 
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 04/10/2013


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras